Alianzo incorpora Ápice e expande atuação no Centro-Oeste – Confira detalhes da transação

Compartilhe nosso conteúdo

Pioneira no modelo Business Process Outsourcing em Goiás foi adquirida e clientes passam a contar com um ecossistema de soluções de negócios  

 

O projeto de ampliação adotado pela Alianzo acaba de atingir um novo patamar. A empresa realizou a aquisição da Ápice, escritório tradicional na região centro-oeste com quase 20 anos de atuação.  

Com pouco mais de 5 anos de mercado, a Alianzo configura um case de sucesso empresarial, já que em tempo curto de atuação, consolidou espaço no mercado se tornando referência nas áreas de Auditoria, Consultoria, Business Process Outsourcing (BPO), Estruturações Societárias, Transações Corporativas e Tributos.  

Com um histórico sólido e cerca de 50 colaboradores, a Ápice acumula uma base consistente de clientes no centro-oeste em suas duas décadas de atuação no mercado, sempre investindo em gestão inteligente, estratégica e prezando pela excelência na entrega.  

O escritório é um dos pioneiros no centro-oeste em BPO modelo de terceirização contábil e fiscal. Esta é uma estratégia cada vez mais utilizada por grandes players do mercado que buscam eficiência de entrega e resultados. Com a aquisição, a atuação da Alianzo nessa área se torna ainda mais expressiva no centro-oeste.  

 

Estratégia de expansão  

O crescimento até então da Alianzo foi suportado pela ampliação em regiões estratégicas e a consolidação do portfólio com a oferta de novos serviços, fortalecendo as áreas de atuação que contribuem para um ecossistema de soluções para negócios. 

Segundo Edilson Júnior, um dos sócios da Alianzo, este é só um dos primeiros passos para a ampliação de negócios da empresa “Como estratégia para suportar o crescimento planejado, temos a previsão de abertura de dois novos escritórios em 2022 e a realização de algumas operações de M&A (fusões e aquisições).” ressalta o empresário. 

A alta liderança e os executivos da Ápice assumem posições estratégicas dentro da Alianzo e participarão ativamente da unificação do time e da aproximação das novas soluções para os atuais clientes.

  

Ecossistema como modelo de negócio 

Acompanhando o modelo dos grandes players e atenta as tendências de mercado, a Alianzo implementou o próprio ecossistema como forma de fazer negócio. Boa parte das empresas oferecem soluções limitadas, alguns apenas contabilidade, outros apenas consultoria ou auditoria. Desta forma, os empresários não conseguem sanar todas as suas demandas com um só parceiro, necessitando contratar diversos escritórios, cada um para um serviço diferente. 

O Ecossistema Alianzo possui, além de variedade, qualidade. Ou seja, é possível obter todas as soluções necessárias para a gestão de negócios, desde a inteligência contábil até a operação de M&A (Mergers and Acquisitions). Este é um modelo não só facilitador, mas também estratégico, uma vez que, interligando as áreas e as informações é possível chegar ao denominador comum para uma tomada de decisão assertiva. 

As áreas de negócios da Alianzo são lideradas por uma diretoria totalmente focada em alta performance e execução de processos assertivos guiados pela análise de dados, atendimento personalizado e comunicação integrada com a base de clientes.  

 

União de pessoas com o mesmo propósito   

Desde o início da Alianzo, o foco foi pessoas e isso hoje é o principal motivo para o crescimento significativo em tão pouco tempo.   

Como método, a empresa consolidou uma cultura organizacional forte que une colaboradores que acreditam no propósito de excelência e padrão acima da média “a cultura cultivada no dia a dia, resulta em alta performance e um time vencedor.”, conta Fábio Almeida, sócio da Alianzo. 

O resultado também vem através do reconhecimento externo. A Alianzo está há 3 anos consecutivos no ranking GPTW (Great Place to Work), ou seja, entre as melhores empresas para se trabalhar do centro-oeste, tendo conquistado o 4º lugar na categoria médias empresas em 2022, com uma taxa de 97% de aprovação dos colaboradores. 

Descubra agora

como está o nível da entrega da sua contabilidade!

Sua empresa

é obrigada a fazer auditoria?

Alianzo News

Categorias

Posts relacionados:

Tributos

Governo Federal poderá cobrar IRPJ e CSLL sobre benefícios fiscais de ICMS concedidos pelos Estados de acordo com decisão do STJ.

Contabilidade

Danos silenciosos que a falta de fechamento contábil mensal causa no seu negócio

Tributos

Benefícios Fiscais: a palavra que não pode faltar no dicionário tributário do seu negócio!